LOJA VIRTUAL - ANGELINICOINS

Ir para o Conteúdo Principal »

Busca no Site

Você está agora em:

Constantinus VII, Porphyrogenitus com Romanus II

Mais Visualizações

Constantinus VII, Porphyrogenitus com Romanus II

Enviar para um amigo

Seja o primeiro a comentar este produto

Disponibilidade: Esgotado

R$3.300,00

Descrição Rápida

Império Bizantino - Constantinus VII, Porphyrogenitus com Romanus II - Valor: Solidus - Período: 913-959 - Metal: Ouro - Conservação: SOB - Peso: 4,27 gr - Diâmetro: 20 mm

Descrição do Produto

Império Bizantino - Constantinus VII, Porphyrogenitus com Romanus II - Valor: Solidus - Período: 913-959 - Metal: Ouro - Conservação: SOB - Peso: 4,27 gr - Diâmetro: 20 mm Constantino VII, Porphyrogenitus - Nascido na sala púrpura Constantino VII Porfirogênito (905-959), foi o quarto imperador da dinastia macedônica do Império Bizantino, reinando de 913 959. Ele era o filho do Imperador VI Leo e sua quarta esposa, Zoe Karbonopsina e o sobrinho de seu antecessor, o imperador Alexandre. Nascido de um quarto casamento canônico, portanto ilegítimo, sua mãe para legitimá-lo deu à luz na sala púrpura do palácio imperial, decorado com porfírio (onde normalmente nasciam filhos legítimos dos imperadores reinantes) daí sua alcunha Porfirogênito. Foi simbolicamente elevado ao trono como uma criança de dois anos por seu pai e seu tio em 15 de maio de 908. Após a morte de seu tio Alexander em 913 e a impossibilidade da usurpação de Constantine Ducas, sucedeu ao trono com a idade de sete anos sob a regência do Patriarca de Constantinopla, Nicholas Mystikos. O Patriarca não detinha a virtude dos imperadores em promover uma política de vizinhança e dessa forma não foi reconhecido pelo Tsar Simeon da Bulgária, a quem o Império Bizantino mantinha diversas desavenças e por esse motivo foi destituído por Romano Lekapeno. Seu reinado foi caracterizado por co-regentes: de 913 até 919 ele estava sob a regência de sua mãe, enquanto que de 920 até 945 ele dividiu o trono com Romano Lekapeno. Em 945, Constantine VII tornou-se único imperador na idade de 39 anos, depois de uma vida passada na sombra. Vários meses depois, Constantine VII coroou seu filho co-Imperador Romano II. Nunca tendo exercido autoridade executiva, Constantino permaneceu principalmente dedicado a suas atividades acadêmicas e relegado a sua autoridade aos burocratas e generais, bem como sua esposa Helena. Constantino manteve relações diplomáticas ativas com cortes estrangeiras, incluindo as do califa Abd ar-Rahman II, de Córdova e de Otto I, do Sacro Imperador Romano. Constantino VII morreu em Constantinopla em novembro de 959 sendo sucedido por seu filho Romano II.

Tags do Produto

Acrescentar suas Tags:
Utilize espaços para separar tags. Utilize aspas simples (') para frases.
 

Meu Carrinho

Você não possui produtos no carrinho.

Comparar Produtos

Você não tem itens para comparar.