LOJA VIRTUAL - ANGELINICOINS

Ir para o Conteúdo Principal »

Busca no Site

Você está agora em:

Attica, Athenas

Mais Visualizações

Attica, Athenas

Enviar para um amigo

Seja o primeiro a comentar este produto

Disponibilidade: Esgotado

R$4.500,00

Descrição Rápida

Attica, Athenas - Valor: Tetradrachma - Período: 454-404 a.C. - Metal: Prata - Conservação: SOB

Descrição do Produto

Attica, Athenas - Valor: Tetradrachma - Período: 454-404 a.C. - Metal: Prata - Conservação: SOB - Peso: 17,01 gr - Diâmetro: 22 mm - Anverso: Busto de Athenas com capacete ornamentado com folhas de oliva - Reverso: Coruja de frente ladeado por crescente e folha de oliva e inscrição Segundo a mitologia grega, Poseidon, deus do mar, e Athena, deusa da sabedoria e justiça disputavam sobre cujo nome seria dado à cidade recém-construída, na terra de Attica. Para acabar com esse impasse, foi decidido por Zeus que a cidade receberia o nome de quem oferecesse o presente mais precioso aos cidadãos. Poseidon bateu seu tridente sobre uma rocha e água salgada começou a fluir. Athena atingiu sua lança no chão e criou uma árvore com frutos verdes, denominada oliveira, capaz de produzir azeite para iluminar a noite, suavizar os feridos e ser um alimento precioso, rico em sabor e energia. Zeus decidiu que a oliveira seria mais valiosa para o povo de Attica e, assim, a cidade foi nomeada Atenas – em honra da deusa Athena. Vista como a padroeira das artes domésticas, a deusa Athena concentrava em si o poder da guerra e a sabedoria. Ela chegou ao mundo já adulta e nasceu da cabeça de Zeus, depois deste ter pedido a Hefesto, deus ferreiro, para lhe dar uma machadada quando teve uma forte dor de cabeça. O símbolo adotado pela deusa Athena, era a coruja que, segundo a lenda, lhe revelava os segredos da noite mediante seu poder de clarividência, inspirados pela lua. Atenta a tudo, a coruja, cujo pescoço gira 270º é possuidora de olhos luminosos que, como Zeus, enxergam “O todo”. A coruja, em grego gláuks “brilhante, cintilante”, que enxerga nas trevas. Em latim é Noctua, “ave da noite”. É símbolo da reflexão, do conhecimento racional aliado ao intuitivo que permite dominar a escuridão. Relacionada com a lua, Athena incorpora o oposto de seu irmão Apollo (sol).

Tags do Produto

Acrescentar suas Tags:
Utilize espaços para separar tags. Utilize aspas simples (') para frases.
 

Meu Carrinho

Você não possui produtos no carrinho.

Comparar Produtos

Você não tem itens para comparar.